Por que criar um blog?

Adoro perguntas… E adoro respostas. Mas do que mais gosto é do momento que se passa entre uma e outra. Quantas coisas podem se passar em frações de segundos antes de obter uma ou outra.

Aos 17 anos me sentia incapaz de escrever, em algum momento houve um bloqueio dentro de mim que me impedia de me expressar através da palavra escrita. Em um outro momento, aos 12 anos de idade, ganhei um concurso de melhor redação na escola e até hoje procuro aquela garota que podia usar sua criatividade para escrever um pequeno conto, meio fantástico.

Onde estará ela? Apenas perdida no meu nome?

Decidi deixar de ser ela pra me tornar Dani. Por quê?

Talvez porque, arrogantemente, hoje me ache capaz de procurá-la dentro de mim. Ou talvez porque alguém me deu o incentivo e a coragem de me expor a críticas ou ao anonimato de escrever apenas para mim mesma:

(Alguém) “Você pensa demais deveria escrever”

(Eu) …

(Alguém) “Como não sabe? Ja tentou?”

(Eu) Não, eu nunca tentei! Eu nunca mais tentei!

Por que temos tanto medo de errar? De fazer algo que achamos que não somos capazes? Por que não ousar pra de repente descobrir novos talentos (ou não), mas ao menos buscar novas experiências?

Eu não sei. Ainda estou nas reticências, procurando respostas para tantas questões. Mas essa resposta eu obtive: por que não?

Anúncios